voltar
Pesquise sobre nossas escolas, notícias, portais e páginas.
(apague o campo para eliminar a pesquisa.)

Seduc reconhece e presta homenagens aos servidores recém-aposentados

Por Lucas Silva
- 13/03/2019 12:50:00
544 acessos imprimir

Atividade acontecerá a cada dois meses. Professores, oficiais administrativos, vigilantes, assessores administrativos e executores de serviços básicos recebem suas portarias de aposentadoria e um certificado de homenagem pelos serviços que prestaram ao sistema educacional sergipano

 

Em solenidade oficial, a Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc) promoveu nesta quarta-feira, 13, a primeira edição do Projeto Gratidão, iniciativa desenvolvida para homenagear os servidores públicos estaduais da Educação recém-aposentados.

 

Com periodicidade bimestral, o Projeto Gratidão é uma ação do Departamento de Recursos Humanos e visa ao reconhecimento dos serviços prestados ao longo de décadas, tanto por servidores que desempenharam suas funções nas escolas da Rede Estadual de Ensino, quanto nos departamentos administrativos da pasta.

 

Ao todo, no lançamento do Projeto Gratidão, 89 servidores, dentre professores, oficiais administrativos, vigilantes, assessores administrativos e executores de serviços básicos, lotados em escolas e Diretorias de Educação de todas as regiões do Estado, receberam cópias da edição do Diário Oficial do Estado de Sergipe nas quais suas portarias de aposentadoria foram publicadas e um certificado de homenagem pelos serviços que prestaram ao sistema educacional sergipano.

 

“Esse reconhecimento é muito significativo para mim, que dediquei 30 anos e oito meses da minha vida como executora de serviços básicos no Colégio Estadual Poeta José Sampaio. Deixo a escola já com o sentimento de saudade, mas feliz por tudo que pude fazer. Acompanhei a história de vida de centenas de estudantes, de crianças a idade adulta. Fico muito feliz com essa homenagem”, afirmou a recém-aposentada Maria Luzia dos Santos, 56 anos, uma das agraciadas com o certificado de reconhecimento pelos serviços prestados, o qual “vai ser guardado com muito carinho”, destacou.

 

Idealizador da iniciativa, o secretário de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura, professor Josué Modesto dos Passos Subrinho, explica que o Projeto Gratidão foi formatado para possibilitar à pasta expressar gratidão “àqueles que tanto contribuíram para o desenvolvimento da Rede Estadual de Ensino”, salientou.

 

“Somo herdeiros do trabalho de cada um desses servidores que acabam de se aposentar, os quais dedicaram boa parte de suas vidas para fazer da escola pública uma instituição de prestígio social. É uma solenidade simples, na qual agradecemos a contribuição de cada um desses profissionais e desejamos-lhes sucessos em suas novas jornadas de vida”, pontuou Josué Modesto, ao pedir que todos continuem, sempre, lutando por um ensino cada vez melhor.

 

De acordo com o diretor de Recursos Humanos da Seduc, professor Jorge Costa Cruz, o departamento que gerencia atua, diariamente, para dar celeridade a todos os processos que por lá tramitam, tais como os de aposentadoria. “A ideia é demonstrar gratidão mesmo pelo trabalho prestado por esses profissionais agora aposentados e reafirmar que a Seduc continua de portas abertas a todos eles. É um gesto de humanização e de reconhecimento”, afirma, ao destacar que, por ano, cerca de 800 servidores do órgão se aposentam.

 

“Aposentado sim, inativo nunca”, brincou o professor Francisco Silva de Azevedo, o Chicão, para aqueles que foram seus alunos. Com a portaria de aposentadoria em mãos, o professor de Matemática Francisco Azevedo, que lecionou por 31 anos no Centro de Excelência Santos Dumont, em Aracaju, afirma que pretende continuar trabalhando.  “Essa homenagem que nos prestaram é uma iniciativa louvável da Secretaria”, frisou.

 

Emocionado com a publicação de sua portaria de aposentadoria, seu Naílson Ferreira destaca que atuou como executor de serviços básicos na Rede Estadual de Ensino durante “38 anos, 10 meses e 20 dias”, como faz questão de salientar. “Estou aposentado desde o último dia 1º e, desde então, me tornei um amigo da escola onde trabalhei durante todo esse tempo. Lá já voltei duas vezes para colaborar com a limpeza do espaço”, afirmou, orgulhoso, o servidor recém-aposentado.

 

Ao longo dos últimos 30 anos, o professor de Química Hélio Andrade lecionou em três escolas da Rede Estadual de Ensino, trabalho que lhe permitiu contribuir na formação de centenas de jovens sergipanos. Agora aposentado do magistério público estadual, Hélio destaca que o Projeto Gratidão “é de grande valia para todos os profissionais da Rede”, diz. “Ficamos orgulhosos com essa homenagem e com esse reconhecimento pelos serviços que prestamos”, ressaltou o professor, que continua na ativa no serviço público federal.