voltar

Pesquise sobre nossas escolas, notícias, portais e páginas.
(apague o campo para eliminar a pesquisa.)

Secretário Josué Modesto conclui visitas a todas as escolas estaduais em Aracaju

Por Ítalo Marcos
- 24/11/2022 13:03:00
171 acessos imprimir

O secretário de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura, professor Josué Modesto dos Passos Subrinho, perto de concretizar a meta de visitar todas as escolas da rede estadual de ensino, concluiu na manhã desta quinta-feira, 24, a visita a todas as 72 unidades de ensino da rede estadual em Aracaju. As últimas que faltavam na capital eram as escolas estaduais Professor Ruy Eloy, Rodrigues Dórea, Manoel Dionízio de Santana e São Cristóvão. Em todas elas o professor Josué Modesto conheceu a infraestrutura, conversou com servidores e equipe diretiva, para ouvir as demandas de cada comunidade escolar.

 

“Hoje nós finalizamos as visitas a todas as unidades de ensino estaduais aqui em Aracaju, e vamos manter a rotina de visitas não agendadas no interior, até concluir as 322 em todo o estado. Temos conhecido de perto a realidade das nossas escolas, conversado com os gestores, professores e alunos, sempre no sentido de ouvir as angústias, as dificuldades, as suas demandas, e dando encaminhamentos para solucionar os problemas que encontramos”, disse Josué Modesto.

 

Na Escola Estadual Professor Ruy Eloy, localizada no bairro José Conrado de Araújo, ele foi recebido pelo secretário escolar Reinaldo Dias Vieira. A unidade de ensino tem uma matrícula de 315 alunos do 1º ao 9º do ensino fundamental, e teve uma participação de 100% no Sistema de Avaliação da Educação Básica de Sergipe (Saese). O secretário da escola explicou que a oferta da merenda aos alunos melhorou bastante e o depósito de alimentos está bem abastecido. A unidade de ensino ainda conta com oito alunos que participam do Programa Estudante Monitor, e o secretário Josué Modesto conversou com duas dessas alunas, como a jovem Anna Evellyn Silva Santos, do 9º ano, que disse estar gostando da experiência. “Os meus colegas estavam com muitas dificuldades na aprendizagem. Eu auxilio em Língua Portuguesa, que é a base de tudo. Então é importante eles estarem por dentro dos assuntos. Eu, como aluna, posso ajudá-los falando na mesma linguagem”, disse.

 

A segunda visita ocorreu na Escola Estadual Rodrigues Dórea, no bairro Siqueira Campos. Com um prédio de grande porte, a unidade atende a 536 alunos do ensino fundamental, e atualmente ainda contempla uma parte dos estudantes do Colégio Estadual General Siqueira, cujo prédio original está em obras de reforma. A secretária Aline Ribeiro de Souza mostrou toda a estrutura, e o professor Josué Modesto ainda conversou com alguns professores, que elogiaram a visita. “Esta ação significa conhecer de perto a realidade e ter a real noção de como é o dia a dia escolar. Há um leque de necessidades, e a visita do secretário da Educação faz com que esses leques sejam abertos e discutidos, ouvindo os alunos e professores”, declarou a professora Jaqueline Oliveira, de Ciências. A unidade de ensino tem 10 alunos no Programa Estudante Monitor, cinco merendeiras, além de biblioteca, laboratório de informática com 16 computadores e sala de vídeo. A participação dos alunos no Saese foi bastante satisfatória, sendo 94% dos alunos do 5º ano e 85% dos estudantes do 9º ano.

 

Na Escola Estadual Manoel Dionízio de Santana, o diretor Erlysson Messias Passos mostrou ao secretário Josué Modesto os diversos equipamentos que foram adquiridos com os recursos do Programa de Transferência de Recursos Financeiros às Escolas Públicas Estaduais (Profin), como microscópios, itens de informática, datashow, caixas de som, entre outros. A unidade de ensino tem 126 alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental. Ela foi uma das contempladas com o Prêmio Escola Destaque, e com os recursos oriundos dessa premiação, a gestão vai investir na modernização do prédio escolar. O seu laboratório de informática dispõe de 14 computadores, e o espaço é utilizado também para aulas de reforço. A biblioteca também é bastante frequentada pelos estudantes.

 

A última visita foi à Escola Estadual São Cristóvão, no Grageru, que atende atualmente a 133 estudantes do 1º ao 5º ano. A diretora Débora Evangelista dos Reis ressaltou que a gestão está utilizando recursos do Profin para pintar a escola e deixá-la mais apresentável para a comunidade escolar. A unidade escolar tem também uma sala de recursos multifuncionais muito bem equipada, que atende a 12 alunos, além de salas de aula climatizadas e laboratório de informática. A participação dos seus estudantes no Saese foi de 99%